Talles Barreto é autor do relatório que garante a retirada de multas sobre Guia de Transporte Rural

Foi derrubado na sessão ordinária dessa quinta-feira (18), o veto parcial do Governo ao autógrafo de lei que institui mudanças no Código Tributário de Goiás em favor dos produtores rurais. Em votação secreta, o placar registrou 22 votos contrários e apenas cinco favoráveis à manutenção do impeditivo. Com isso, o governador Ronaldo Caiado agora fica obrigado a acatar a proposta inicialmente aprovada pelos parlamentares, a qual prevê perdão fiscal para multas referentes à Guia de Trânsito Animal (GTA).  

A proposição trata de anistia a mais de 50 mil produtores rurais, multados pela Agência Goiana de Defesa Agropecuária (Agrodefesa), pela não emissão da Guia de Transporte Animal (GTA), entre os anos de 2014 e 2017.

Autor de relatório para a derrubada de veto, o Deputado Estadual Talles Barreto comemora a vitória: ” Sem dúvidas conseguimos retirar o peso da cobrança destas multas dos ombros do pecuarista. A pecuária é a base do nosso Estado devemos trabalhar em consonância com eles.”

Foto: Arquivo Assembleia Legislativa de Goiás
Compartilhe

Talles Barreto promove encontro de prefeitos em Rianápolis com a presença do governador Ronaldo Caiado

Governador Ronaldo Caiado em reunião com Talles Barreto,
prefeito Mário Macaco de Itapaci e o deputado federal Delegado Waldir
(foto: Brunna Ferro)

O deputado estadual Talles Barreto, representante da região do Vale do São Patrício na Assembleia Legislativa, recebeu nesta sexta-feira (26) o governador Ronaldo Caiado e cerca de 25 prefeitos que compõem sua base política na Estância Barreto, propriedade rural que pertence à família em Rianápolis.

O encontro teve como objetivo discutir as demandas e reivindicações dos municípios e, na oportunidade, cada gestor pôde reunir-se e despachar com o chefe do executivo estadual. O governador ressaltou a importância da reunião organizada pelo parlamentar. “Aqui, na propriedade rural da família do deputado Talles Barreto, estou tendo a oportunidade de viver um fato inédito: em um só dia atendi 25 prefeitos da região. Isso mostra a liderança política que ele tem hoje, cada vez mais consolidada e com ações diretas”, frisou Caiado.

Talles Barreto considerou a reunião extremamente proveitosa e alcançando o intuito que levou a realizá-la. “Fizemos, aqui, um gabinete itinerante, trazendo nossa equipe, possibilitando aos prefeitos, vereadores e lideranças apresentar suas respectivas demandas e despachar com o governador. Uma oportunidade muito bacana e que, sem dúvidas, vai levar benefícios para nossas cidades. Fico satisfeito pela oportunidade de proporcionar esse momento”, pontuou.

Um dos presentes na reunião o prefeito Alécio Mendes de Leopoldo de Bulhões agradeceu Barreto pela parceria que tem com o município, reforçando a representatividade do parlamentar Estado a fora alcançando outras regiões. “Talles é um parceiro que temos no município, uma pessoa que a gente tem uma amizade muito forte além da política e que se Deus quiser iremos dar uma votação expressiva para ele no próximo ano”, reforçou.

Participaram da reunião, também, o deputado federal Delegado Waldir, deputado estadual Tião Caroço, vice-prefeitos, vereadores, lideranças políticas e ex-mandatários da região.

Compartilhe

Talles Barreto propõe que motoristas alcoolizados sejam responsabilizados por danos materiais causados ao patrimônio público estadual

O projeto de lei n°686/2021, elaborado pelo deputado Talles Barreto, dispõe sobre a responsabilidade dos condutores de veículos, em todo o Estado de Goiás, por danificações materiais causadas ao patrimônio público estadual, em casos de acidentes de trânsitos provocados pelo consumo de álcool ou substâncias psicotrópicas.

Essa proposta visa isentar o Estado dos custos de reparação ou substituição de placas de sinalização, postes, semáforos, muros, meio-fio e calçadas em casos de acidentes ocasionados por motoristas embriagados ou sob o efeito de entorpecentes, atribuindo ao condutor a obrigação de custear estes reparos, bem como a mão de obra envolvida no processo.

Além disso, o presente projeto de lei tem caráter pedagógico, uma vez que responsabiliza os condutores por seus atos de negligência, fazendo-os arcar com as consequências e danos provocados ao patrimônio. Assim, estimula-se a direção responsável e a conscientização da população sobre a importância de não dirigir alcoolizado ou sob o efeito de substâncias psicotrópicas.

Compartilhe